Home » Destaque Home

Para subscrever um PPR com a SGF basta preencher a Proposta de Subscrição, indicar o(s) fundo(s) que pretende, e juntar os documentos solicitados no verso da mesma bem como o Perfil de Investidor e Formulário de Cumprimento Normativo FATCA.

Sugerimos que simule o seu Perfil de Investidor para decidir qual o produto que melhor se adequa ao seu perfil e objetivos.

Os nossos Fundos não têm montante mínimo de subscrição ou obrigatoriedade de efetuar reforços.

 

Se optar por fazer entregas pontuais poderá fazê-lo de três formas:


  • Cheque passado à SGF – Sociedade Gestora de Fundos de Pensões, com o montante que pretende investir;
  • Transferência bancária (IBAN PT50.0035.0229.00015171930.91) devendo para o efeito enviar uma cópia da ordem de transferência;
  • Depósito junto da Caixa Geral de Depósitos na nossa conta nº 0229015171930, devendo para o efeito enviar uma cópia do talão de depósito.

 

No entanto se pretende reforçar o seu PPR com uma periodicidade definida (mensal, trimestral, semestral ou anual), basta que na proposta preencha o retângulo do Sistema de Débito Direto, indicando-nos o seu IBAN e qual o montante a debitar. Neste caso específico, há um montante mínimo de 50 euros por entrega.

 


       
        



Consulte a Informação Fundamental ao Investidor (IFI) de cada fundo


Consulte os Regulamentos de Gestão de cada fundo



Como Reforçar o seu PPR?

Para reforçar o seu PPR basta preencher o documento de reforço, indicando qual o montante e fundo(s) que pretende reforçar, assiná-lo e enviar para a SGF.


Pode fazer o seu Reforço de quatro formas:


  • Cheque passado à SGF – Sociedade Gestora de Fundos de Pensões, com o montante que pretende investir;
  • Transferência bancária (IBAN PT50.0035.0229.00015171930.91) devendo para o efeito enviar uma cópia da ordem de transferência;
  • Depósito junto da Caixa Geral de Depósitos na nossa conta nº 0229015171930, devendo para o efeito enviar uma cópia do talão de depósito;
  • Caso já seja nosso cliente, e tenha um PPR noutra sociedade gestora, poderá transferi-lo para a SGF, devendo para o efeito preencher o documento de reforço bem como a respetiva carta de transferência.



       
     
 

 

 

 

       



O que é uma Alteração de carteira (apenas para PPR Património Reforma)?

O Património Reforma da SGF é uma gama de PPRs constituída por quatro fundos com perfil de risco diferentes: o Conservador, o Prudente, o Equilibrado e o Acções. Quando faz um investimento pode optar por distribuir o capital pelos quatro fundos, nas percentagens que pretender, ou se preferir investir apenas num fundo.


Da mesma forma, em qualquer momento da vigência do seu contrato poderá alterar a composição da sua carteira através de uma transferência entre fundos, constituindo, desse modo, uma carteira mais defensiva ou mais agressiva, de acordo com o risco que pretenderá assumir.


Para o fazer bastará preencher o documento de alteração (o mesmo que o de reforço) e indicar o(s) fundo(s) e respetivas percentagens.